Tag Archives: par

Falando de Dança – Dama e Cavalheiro

10 mar

Esse post pode causar um pouquinho de revolta nas feministas de plantão, mas… estou aqui pra falar do que é e não é na dança de salão, e na dança. Acalmem-se!

Fico muito brava quando meu querido professor vira pra turma e diz: aqui quem manda são os homens! Faço questão de lembrar que a autoridade deles sobre nós se limita estritamente a dança. *rs

Fato é que, gostando ou não, ele tem razão! Na dança de salão, para nossa tristeza, são ELES que dominam!

Funciona mais ou menos assim:

Nós, damas lindas, temos a função vital de esperar. Enquanto que os cavalheiros tem que prestar atenção no tempo da música, pensar em cada passo que vão executar, em como encaixá-los no tempo, numa  forma de conduzir a dama de modo que ela entenda o que ele quer que ela execute… Sério gente, é uma responsabilidade tremenda pra eles!

Falo isso com conhecimento de causa, pois eu faço a função de cavalheiro em algumas aulas e fico numa neura tremenda de pensar demais numa coisa e esquecer da outra.

É aí que vem a pergunta da mulherada: então quer dizer que vou aprender a dançar pra ficar esperando?

Sim gata! Você vai aprender belos passos no decorrer de suas aulas, mas para executá-los vai precisar esperar, e só esperar, a condução do cavalheiro que estiver dançando com você no momento, senão nada feito.

Mas… é claro que esse esperar tem uma recompensa! Como ouvi num dos meus filmes de dança favoritos (Dança Comigo):na dança, o cavalheiro é como uma moldura e a dama a obra de arte. Tudo o que ele faz é para exibí-la!”

São os movimentos da dama que embelezam a dança! Ou seja, se você esperar e fizer direitinho os movimentos que o cavalheiro lhe propor, você vai arrasar e fazer a linda no salão. Viu só como tudo tem um lado positivo?

Não sei se me fiz entender muito bem com essa explicação. Passar um conhecimento que tenho nunca foi meu forte!

Mas a realidade é uma só: sem casal, não existe dança de salão! Ambos tem sua função e importância pra coisa toda fluir. Vale muito a pena essa submissão momentânea em troca da sensação gostosa de “flutuar” pelo salão! Super recomendo!

Beijos estrelados!