Tag Archives: dança de salão

Falando de Dança – Dama e Cavalheiro

10 mar

Esse post pode causar um pouquinho de revolta nas feministas de plantão, mas… estou aqui pra falar do que é e não é na dança de salão, e na dança. Acalmem-se!

Fico muito brava quando meu querido professor vira pra turma e diz: aqui quem manda são os homens! Faço questão de lembrar que a autoridade deles sobre nós se limita estritamente a dança. *rs

Fato é que, gostando ou não, ele tem razão! Na dança de salão, para nossa tristeza, são ELES que dominam!

Funciona mais ou menos assim:

Nós, damas lindas, temos a função vital de esperar. Enquanto que os cavalheiros tem que prestar atenção no tempo da música, pensar em cada passo que vão executar, em como encaixá-los no tempo, numa  forma de conduzir a dama de modo que ela entenda o que ele quer que ela execute… Sério gente, é uma responsabilidade tremenda pra eles!

Falo isso com conhecimento de causa, pois eu faço a função de cavalheiro em algumas aulas e fico numa neura tremenda de pensar demais numa coisa e esquecer da outra.

É aí que vem a pergunta da mulherada: então quer dizer que vou aprender a dançar pra ficar esperando?

Sim gata! Você vai aprender belos passos no decorrer de suas aulas, mas para executá-los vai precisar esperar, e só esperar, a condução do cavalheiro que estiver dançando com você no momento, senão nada feito.

Mas… é claro que esse esperar tem uma recompensa! Como ouvi num dos meus filmes de dança favoritos (Dança Comigo):na dança, o cavalheiro é como uma moldura e a dama a obra de arte. Tudo o que ele faz é para exibí-la!”

São os movimentos da dama que embelezam a dança! Ou seja, se você esperar e fizer direitinho os movimentos que o cavalheiro lhe propor, você vai arrasar e fazer a linda no salão. Viu só como tudo tem um lado positivo?

Não sei se me fiz entender muito bem com essa explicação. Passar um conhecimento que tenho nunca foi meu forte!

Mas a realidade é uma só: sem casal, não existe dança de salão! Ambos tem sua função e importância pra coisa toda fluir. Vale muito a pena essa submissão momentânea em troca da sensação gostosa de “flutuar” pelo salão! Super recomendo!

Beijos estrelados!

Anúncios

Falando de Dança – Prólogo

2 mar

A dança sempre fez parte da minha vida desde muito nova. Comecei cedo nas aulas de ballet no Teatro Municipal e, durante anos, minha rotina era aquela loucura que só bailarinas e familiares das mesmas vão captar na essência (né Wal?).

Mas como sempre tem um porém, tive que aposentar as sapatilhas no sexto ano por um problema na coluna. Triste, muito triste abandonar os palcos, as bolhas e machucados nos pés, as barras, o som do piano, a deliciosa rotina desgastante que já fazia parte de mim, parte de quem eu era, há tempos.

 

Enfim, o tempo passou, a coluna melhorou, mas já era tarde pra me aventurar no ballet novamente. Já estava “velha” e fora de forma!

Foram inúmeras tentativas em outros setores da dança que acabaram ficando pra trás, para dar lugar a outras atividades e cursos mais importantes que foram surgindo em meu caminho. Até que no ano passado, exatamente há 1 ano e 11 dias, me joguei numa modalidade de dança que já vinha paquerando há bastante tempo: a dança de salão.

No começo pensei que, assim como as demais, em breve ela faria parte da lista sem fim de modalidades que já pratiquei. Ledo engano!

A cada dia que passa me apaixono e quero aprender mais!

Apesar de já praticar há um ano, ainda estou gatinhando e tenho MUITO a aprender, até porque não faço aula de todos os ritmos que a dança de salão abrange. Além de sempre ter uma coisa nova, uma entrada ou saída diferente de um mesmo passo, enfim… passam-se os anos e não se aprende tudo! É como viver. Vivemos toda uma vida e morremos sem saber tudo!

E vocês devem estar se perguntando: “tá Áname e por que falar disso agora?”

Porque além do post permitir que vocês me conheçam mais um pouquinho, ele serve de introdução para uma série de postagens que virão sobre dança. Pretendo apresentar ritmos, falar dos benefícios da dança e tudo mais relacionado que eu julgar bacana dividir com vocês.

Estou muito feliz com esse meu novo espaço e ainda mais feliz de poder dividir várias coisinhas do meu mundo com vocês!

Espero de coração que gostem de tudo por aqui!

Beijos estrelados!